OFICINA de jornalismo investigativo na área de alimentação tem inscrições abertas

0
22

Estão abertas as inscrições para o segundo treinamento de jornalismo investigativo na área de alimentação, promovido pela ACT Promoção da Saúde e pelo site O Joio e o Trigo, em parceria com a Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji)

A oficina será on-line, no dia 27.abr.2021, das 10h às 12h. O investimento é de R$ 10 para estudantes e de R$ 20 para profissionais. Também serão aceitas doações de qualquer valor para a campanha Tem Gente com Fome. Serão 30 vagas, e para participar é preciso preencher este formulário até 09.abr.2021. Os selecionados serão informados no dia 16.abr.2021.

Se no curso de 2019 o foco foi nas formas de investigar a indústria de alimentos ultraprocessados e sua relação com a elaboração de políticas públicas de saúde, a segunda edição abordará como empresas que fabricam produtos causadores de doenças crônicas estão lucrando com a pandemia.

“E como isso acontece? Enfraquecendo políticas públicas, ocupando o vácuo deixado pelo Estado para conquistar afeto e admiração, moldando leis e decretos, a indústria de alimentos avança num momento em que deveria estar sob críticas”, comenta João Peres, do site O Joio e o Trigo. 

Relações de poder e alimentação: o lobby da indústria de alimentos em tempos de pandemia” também vai mostrar a experiência de outros países e como o tema se insere na discussão mais ampla sobre reforma tributária. 

“No Brasil, enfermidades cardiovasculares e diabetes estão presentes na maioria dos casos graves e de mortes por covid-19. Nem sempre foi assim: esse avanço se deu de maneira drástica nas últimas duas décadas. A alimentação é um fator central para entender por que isso acontece”, destaca. 

Para a Anna Monteiro, Diretora de Comunicação da ACT, o jornalismo pode ter um papel fundamental na exposição dos problemas de saúde relacionados à alimentação. 

Cristina Zahar, secretária-executiva da Abraji, ressalta que a iniciativa do treinamento cumpre um dos pilares da organização, que é promover a elevação da qualidade do jornalismo por meio do aprimoramento profissional dos jornalistas e da difusão dos conceitos e técnicas da reportagem investigativa.

Bolsas para reportagens

Os participantes da oficina vão concorrer a duas microbolsas no valor de R$ 8 mil cada. A ideia é encorajar a realização de apurações originais, de alto impacto, abordando temas relevantes para a sociedade. As regras serão conhecidas no próprio encontro. 

Serviço

Treinamento de jornalismo investigativo na área de alimentação
Tema: Relações de poder e alimentação: o lobby da indústria de alimentos em tempos de pandemia
Data: 27/04, das 10h às 12h
Vagas disponíveis: 30 
Critérios de escolha: análise de perfil e motivação para se inscrever na oficina  
Custo: R$ 10 para estudantes, R$ 20 para profissionais ou doações de qualquer valor para a campanha Tem Gente com Fome.
Data-limite das inscrições: 09/04
Divulgação de resultados: 16/04

Programação

  • 10h. Abertura
     
  • 10h05. Relações de poder
    Bruno Carazza, autor de Dinheiro, eleições e poder (Companhia das Letras, 2018), professor do IBMEC e colunista do jornal Valor Econômico
     
  • 10h45. O encontro das pandemias e as novas estratégias utilizadas por corporações
    Paula Johns, diretora-executiva da ACT Promoção da Saúde
     
  • 11h10. Cenários de cobertura sobre alimentação em tempos de covid
  1. Tributação  
  2. Rotulagem  
  3. Alimentação escolar  
  4. Marketing  
  • 11h40. Roda de conversa final
     
  • 12h. Encerramento 

Quem promove

ACT Promoção da Saúde
ACT Promoção da Saúde é uma organização não governamental que atua na promoção e defesa de políticas de saúde pública, especialmente nas áreas de controle do tabagismo, alimentação saudável, controle do álcool e atividade física. O trabalho da ACT, que inclui direitos humanos e a Agenda 2030 da ONU, é realizado por meio de ações de advocacy, entre elas incidência política, comunicação, mobilização, formação de redes e pesquisa.

O Joio e O Trigo
O Joio e O Trigo é um projeto jornalístico especializado na investigação de alimentação e doenças crônicas. Desde 2017 o site expõe como estratégias corporativas interferem e afetam uma alimentação adequada, e busca entender como é possível construir sistemas alimentares saudáveis. 

Abraji
A Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo foi criada há 18 anos por um grupo de jornalistas brasileiros interessados em trocar experiências, informações e dicas sobre reportagens, principalmente investigativas. Dentre suas diversas atividades, estão a organização de congressos, seminários e oficinas com o objetivo de promover o aperfeiçoamento profissional de jornalistas.
Contato: abraji@abraji.org.br

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here